Fale conosco:

Os principais problemas oftálmicos do Shar Pei

O Shar Pei tem características que fazem com que ninguém o confunda: suas dobrinhas e seu olhar cabisbaixo são marcas registradas dos exemplares da raça. Apesar de ser muito fofinho, esse cãozinho exige cuidados diferenciados, o que faz com que não sejam recomendados para donos inexperientes. Originários da China, os Sharpeis foram criados para desempenhar o pastoreio e a guarda de diversos animais. Assim como o Chow Chow, possui a língua na coloração azulada. O Shar Pei é autoconfiante, sério, independente, teimoso e muito seguro de si. Embora não seja muito expressivo, ele é devotado e muito protetor de sua família. Pode ser reservado e até bastante desconfiado com estranhos.
Os principais problemas oftálmicos dessa raça são: Entrópio, Triquíase e Glaucoma:

Entrópio:

Quando a margem palpebral é invertida e faz com que os pelos ficam em contato com a superfície ocular, causa desconforto e irritação nos olhos, lacrimejamento e até ulceras. O único tratamento é a correção cirúrgica.

Triquíase:

Quando os pelos das pálpebras ficam votados para a superfície ocular, por excesso de pele ou por fissura palpebral (abertura das pálpebras) muito grande. Isso causa muito desconforto ocular e até lesões na córnea.

Glaucoma:

Definido pelo comprometimento da retina e do nervo óptico (estruturas responsáveis pela visão), através de um aumento significativo da pressão intraocular podendo levar a cegueira. Nesse caso há um “defeito” na drenagem do humor aquoso, aumentando a pressão intraocular. Os sinais clínicos geralmente aparecem em um dos olhos e depois pode atingir ambos, levando então a cegueira. O glaucoma é considerado extremamente doloroso em pessoas e acredita-se que seja tão doloroso ou mais em cães. O objetivo do tratamento é diminuir a pressão intraocular com o uso de medicamentos e até mesmo cirurgia, diminuindo a dor e evitando a perda da visão. (LINK Você já mediu a pressão do olho do seu pet? Sabe se está normal?)
 

8 respostas

  1. Boa noite
    Tenho uma cadela shar pei com 3 meses e neste momento tem 2 bolinhas num dos olhos que parece ser trecolho mas o veterinário diz que pode ser umas bolinhas de cebo e que deve desaparecer . Mas já tem à quase duas semanas e não desapareceu . É normal ou devo ficar preocupada .Obrigada

    1. Olá. Isso pode ser algo similar ao tersol mesmo. Mas seria importante avaliar ela para saber se é isso. Geralmente isso não é preocupante, mas necessita tratamento. Para darmos um diagnóstico correto é necessário fazer os exames oftálmicos. Se precisar agendar um horário estamos a disposição.

  2. Boa tarde,eu tenho uma cachorra shapei de 5 anos tenho observado que ela tá lacrimejando muito e não está enchergando direito.

  3. Oi eu estou com um filhote de 30 dias, o olhinho dela é bem fechado, sera que ela ainda vai abrir mais os olhos, e ela está lacrimejando bastante, oque eu posso fazer para estar melhorando isso?

  4. Olha obrigada pelas informações acima mais pelas descrições não indentifiquei o que meu filhote tem… Os olhos dele parece azul quase branco e tem um excesso de pele nas laterais até mesmo tampando a visão de um dos olhos. Poderia me dizer o que pode ser? Ou até mesmo me dizer se e grave? A pessoa que me passou disse que e normal por ser filhote e já ter tomado a 1° vacina, mais o mesmo já está com 48 dias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.